quinta-feira, 31 de março de 2016

Prefeitura de Bequimão renova mobiliário de escolas do município

A Prefeitura Municipal de Bequimão está fazendo a renovação do mobiliário de todas as Unidades Escolares da Rede Municipal. O prefeito Zé Martins investiu na aquisição de quase dois mil kits para alunos e professores, inclusive com mesas adaptadas para pessoas em cadeira de rodas. O investimento foi de R$ 250.713,00.
Seguindo um cronograma estabelecido pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), as carteiras antigas de madeira estão sendo substituídas por carteiras e cadeiras mais adequadas e confortáveis. Foram adquiridos 1.863 conjuntos de aluno (com carteiras e cadeiras), 66 conjuntos de professor (com mesa e cadeira) e 51 mesas para pessoas em cadeira de roda.
A entrega dos kits começou pela Unidade Integrada Protazia Rodrigues Soares, no bairro Barroso, com participação do prefeito Zé Martins. “Estamos investindo na melhoria da infraestrutura das escolas por entendermos que nossos alunos precisam de um ambiente mais adequado para estudar e, assim, terem condições de construir uma vida de mais oportunidades. Os professores também ganham mais qualidade para trabalhar”, destacou o prefeito.
Todas as 31 unidades de ensino da Rede Municipal receberão a mobília nova. “Essas ações visam a melhorias na qualidade de ensino. Estamos melhorando a infraestrutura das escolas e também promovemos cursos de formação continuada, para que os educadores do município estejam cada vez mais capacitados”, disse o secretário Municipal de Educação, Aristides Amorim.




Alunos são prejudicados pela falta de transporte escolar em Peri Mirim



Os estudantes do Município de Peri Mirim, na Baixada Maranhense, estão deixando de ir para a escola por causa da falta de transporte escolar. Segundo os pais dos alunos, o ano letivo teve início mas aulas foram paralisadas.
O desastrado prefeito do município, João Felipe (PT), recebeu (05) ônibus escolares, da gestão anterior, a paralisação das aulas no município, comprometendo o ano letivo, se deu pela falta de manutenção no transporte escolar.
Outro agravante, seria o atraso no pagamento dos transportes contratados. De acordo com o vereador do município, Jean Reis (PRP), o prefeito, tentou maquiar a paralisação e ensaiou um treinamento, sendo que a semana pedagógica aconteceu no município, desde o mês de fevereiro.
O blog teve informações, que no treinamento faz de conta inventado por João Felipe, apenas com o intuito de maquiar o verdadeiro motivo da paralisação do ano letivo no município, até lanche para os educadores faltou, uma prova que não estava nos planos do prefeito tal treinamento.
São muitos os desmandos no município, é a segunda vez que os alunos do município de Peri Mirim, deixam de frequentar as salas de aula, por falta de transporte. E olha que o slogan do prefeito é “Trabalhar para Mudar”.
Os estudantes do Município de Peri Mirim, na Baixada Maranhense, estão deixando de ir para a escola por causa da falta de transporte escolar. Segundo os pais dos alunos, o ano letivo teve início mas aulas foram paralisadas.
O desastrado prefeito do município, João Felipe (PT), recebeu (05) ônibus escolares, da gestão anterior, a paralisação das aulas no município, comprometendo o ano letivo, se deu pela falta de manutenção no transporte escolar.
Outro agravante, seria o atraso no pagamento dos transportes contratados. De acordo com o vereador do município, Jean Reis (PRP), o prefeito, tentou maquiar a paralisação e ensaiou um treinamento, sendo que a semana pedagógica aconteceu no município, desde o mês de fevereiro.
O blog teve informações, que no treinamento faz de conta inventado por João Felipe, apenas com o intuito de maquiar o verdadeiro motivo da paralisação do ano letivo no município, até lanche para os educadores faltou, uma prova que não estava nos planos do prefeito tal treinamento.
São muitos os desmandos no município, é a segunda vez que os alunos do município de Peri Mirim, deixam de frequentar as salas de aula, por falta de transporte. E olha que o slogan do prefeito é “Trabalhar para Mudar”.
Os estudantes do Município de Peri Mirim, na Baixada Maranhense, estão deixando de ir para a escola por causa da falta de transporte escolar. Segundo os pais dos alunos, o ano letivo teve início mas aulas foram paralisadas.
O desastrado prefeito do município, João Felipe (PT), recebeu (05) ônibus escolares, da gestão anterior, a paralisação das aulas no município, comprometendo o ano letivo, se deu pela falta de manutenção no transporte escolar.
Outro agravante, seria o atraso no pagamento dos transportes contratados. De acordo com o vereador do município, Jean Reis (PRP), o prefeito, tentou maquiar a paralisação e ensaiou um treinamento, sendo que a semana pedagógica aconteceu no município, desde o mês de fevereiro.
O blog teve informações, que no treinamento faz de conta inventado por João Felipe, apenas com o intuito de maquiar o verdadeiro motivo da paralisação do ano letivo no município, até lanche para os educadores faltou, uma prova que não estava nos planos do prefeito tal treinamento.
São muitos os desmandos no município, é a segunda vez que os alunos do município de Peri Mirim, deixam de frequentar as salas de aula, por falta de transporte. E olha que o slogan do prefeito é “Trabalhar para Mudar”.

Prefeito Carrinho e sua equipe de governo entregam a sexta Unidade Básica de Saúde no bairro do Mutirão



O prefeito Carinho Muniz tem dado uma atenção muito especial aos séricos de saúde e atendimento à população da sua terra. Um exemplo disso foi a inauguração da Unidade Básica de saúde do Bairro Mutirão. O prefeito Carrinho e o Vice Isac, acompanhados da sua equipe e de vereadores e muitos convidados, descerrou a placa do registro de uma data histórica para a população do bairro mutirão que homenageia uma grande figura parteira de São Bento. 
O vice prefeito Isac, fez referencia também ao seu pai Isac Dias idealizador do Bairro e da Unidade de Saúde hora reinaugurada. Na avaliação da secretária Célia, o município tem avançado muito na área de saúde e os números mostram isso.Essa é a sexta Unidade Básica de saúde entregue pelo prefeito Carrinho, que batalha para concretizar o sonho do novo hospital municipal. Completou a secretária Parcerias importantes do município, tem facilitado as conquistas e os benefícios chegam para a população. Confirma Murilo Cesar, assessor da área de saúde que vem lutando em São Luis e Brasília, junto aos órgãos de saúde para que os benefícios atendam as necessidades da população. 
Quem trabalha nas Unidades e acompanha o dia a dia no atendimento das comunidade, garante que os serviços são de qualidade e todos são atendidos e bem atendidos, confirma a coordenadora Olivia, que garante que as seis Unidades, já aliviam e ajudam muito no atendimento fora do hospital da cidade. 
Para o presidente da Câmara, o vereador Gaucho, uma data importante quando se comemora os 111 anos de emancipação política do município e uma obra mais importante ainda. UBS nova, moderna, equipada e com profissionais comprometidos é a garantia de saúde de qualidade para a população de São Bento. Graças ao empenho e dedicação do prefeito e da sua equipe. Disse o Vereador. 
Quem se utiliza dos serviços de saúde do município sabe a importância desse tipo de beneficio. Dona Maria Joana 72 anos confirmou que todas as vezes que já precisou foi atendida e bem atendida. Disse. 
Em seu discurso o prefeito Carrinho confirmou que ao contrario do que dizem os seus adversários, que nada fizeram, essa é a sexta unidade e outras serão entregues até o final deste ano. E garantiu que muitos benefícios já estão assegurados e serão entregues na cidade e no interior do município.












quarta-feira, 30 de março de 2016

Flávio Dino exonera superintendente ‘figurativo’ de Pinheiro



O superintendente figurativo de Articulação Regional de Pinheiro, Luciano Genésio, foi exonerado do cargo através de ato do governador Flavio Dino, datado do último dia 17 de março,
No cargo, desde 18 de março de 2015, o filho de Genésio esteve na função por exatos 12 meses, tendo recebido do Governo mensalmente a soma de R$ 4.917,50, o que corresponde a mais de R$ 60 mil no ano para fazer literalmente nada, já que o cargo, como ele mesmo disse, era “figurativo” (reveja aqui)
Genesinho permaneceu no cargo até ser exonerado por Dino no último minuto do segundo tempo, sempre resistindo em largar o osso cujo salário, conforme dito por ele mesmo, era insuficiente para lhe garantir a sobrevivência e, convenhamos, para bancar negócios como a compra de um imóvel (do qual foi ameaçado de despejo) junto ao agiota Pacovan, avaliado em R$ 1,5 milhão de reais. (reveja aqui).
Em dezembro último, o filho de Zé Genésio, em entrevista ao canal de TV de sua família, tentou dar um xeque-mate no Governador anunciando a saída do governo, algo que não passou de bravata, já que permaneceu no cargo até agora.De sua passagem pela tal Superintendência, de concreto não resta nada, nenhuma ação por ele encampada, nenhuma “articulação” junto ao Governo em favor de Pinheiro e da Baixada, nenhum pleito ou pedido que possa justificar o dinheiro recebido do Governo nesse ano. A não ser, talvez, as tentativas de achaques junto aos fornecedores da Hemomar, que culminaram com a exoneração de sua mulher, Thaiza Genésio, do cargo comissionado que ocupava naquele órgão.

Suspeitos de integrar quadrilha especializada em explosões de caixas eletrônicos na Baixada são presos em Matinha e Pedro do Rosário.



Operação da Polícia Civil-MA por intermédio da Superintendência Estadual de investigações criminais – SEIC realizou na manhã desta terça-feira (29) prisão em flagrante delito nas cidades de matinha e Pedro do Rosário.
De acordo com o Delegado Regional Dr. Carlos Renato, os presos fazem parte de uma quadrilha especializada em explosões a caixas eletrônicos, os irmãos Lucivaldo Ribeiro de 24 anos, e Lucivando Ribeiro de 21 anos, são suspeitos de serem integrantes da quadrilha comandada por Escobar, integrante da facção PCM, preso na última sexta-feira (25) na cidade de Mirinzal (reveja aqui).
Com a dupla a Policia Civil, encontrou 02 fuzis calibre 7,62, 20 bananas de dinamites, apetrechos utilizados para explosão de caixas eletrônicos, R$ 27.200,00 (vinte e sete mil e duzentos reais) sujos de tinta, oriundo de explosão de caixas eletrônicos.
A Polícia informou que a quadrilha chefiada por Escobar (já preso) foi responsável pela explosão do caixa eletrônico do BB no dia 06-03-2016 localizado no terminal rodoviário da cidade de Nova Olinda-MA.